Pra quem quiser me visitar....
  • A Casa do Porco Bar: Jefferson Rueda finalmente em casa
  • Restaurante Roberta Sudbrack fecha as portas no Rio de Janeiro: o fim pode ser uma ponte?
  • Padaria da Esquina, a nova casa de Vitor Sobral em São Paulo: minhas impressões
  • Provence: o mercado de Saint-Rémy
  • A hora do chá no Le Meurice, em Paris
  • Berlim, de bocado em bocado
  • “Redefinindo Sustentabilidade”: Parabere Forum chega à terceira edição debatendo a igualdade de gênero na gastronomia
  • Lenha no fogão: comida e memória no sul de Minas Gerais
  • Fazenda do Serrote: refúgio na divisa entre Rio e Minas Gerais
Terça, 21 Abril 2015

La Guapa, a casa de empanadas da chef Paola Carosella

La Guapa Empanadas

Estive na La Guapa em três ocasiões desde sua inauguração no ano passado. Uma vez na matriz, no Itaim; outras duas na filial recentemente instalada no segundo andar da Livraria da Vila, nos Jardins - cujo ambiente me pareceu mais agradável que o da primeira unidade, o que em muito se deve a um pequeno terraço onde se pode comer longe dos ruídos da cidade.

 As refeições aconteceram em diferentes circunstâncias. Numa das vezes, sozinha e faminta, encontrei nas empanadas resposta a uma necessidade primária. Nas demais, elas foram pretexto pra que eu gastasse um par de horas na boa companhia de amigos. Em todas as visitas, saí convicta da qualidade da comida.

La Guapa Empanadas

A simplicidade da proposta não é justificativa pra que se negligencie o resultado, como acontece em tantas casas do gênero. Não espere pálidas empanadas adormecidas em tristes vitrines. Ali, elas são assadas no momento do pedido, o que é fundamental pra que se perceba a exuberância da massa.

Os recheios são sempre equilibrados e saborosos. Experimentei três tipos: salteña (carne, azeitona, ovo e batata cozida), humita (recheio cremoso de milho verde com queijo) e puacapas (cebolas caramelizadas e queijo derretido). Esta última foi minha favorita, pela delicada harmonia entre a doçura das cebolas e a pimenta do tempero. Mas, acima de tudo, é na massa que a La Guapa se distancia de seus concorrentes: dourada, bordas crocantes, coisa de quem sabe lidar com o fogo. Não me lembro de ter encontrado nada igual no Brasil.

 

La Guapa - Rua Bandeira Paulista, 446 - Itaim Bibi / Al. Lorena, 1731 - piso superior da Livraria da Vila - Jardins

http://www.laguapa.com.br/

Comentários:
em 24-04-2015
por: Alfredo Eb
Gostei tanto que da última vez trouxe umas tantas na ponte aérea e aquecí em forno forte. Manteve sua integridade, sucesso total.
em 24-04-2015
por: Constance
Você me deu uma boa ideia, Alfredo. Vou fazer isso na próxima vez.
Deixe seu comentário:
© 2012 Pra quem quiser me visitar - Todos os direitos reservados - Design de Branca Escobar

Envie para um amigo:

*
*

Fale comigo:

*

Assinar Newsletter:

Remover email: